quarta-feira, 19 de abril de 2017

As vezes

As vezes algumas palavras não saem dos lábios, com a mesma precisão que queremos.
As vezes a palavra não sai dá caneta com o mesmo sentimento que desejamos.
As vezes o abraço, não acalma como deveria.
As vezes o beijo, não mata a saudade como imaginamos.
Na verdade.
O que satisfaz é a surpresa, ser surpreendida.
Um beijo roubado.
Um abraço forçado.
Uma palavra que vira gesto.
Um sorriso de lado, vale mais que mil palavras ditas, mas que um livro de poesias.
Mas me perdoa.
Eu não sei roubar seu beijo.
Eu não consigo forçar um abraço .
Eu não sei fazer supresas.
Mas todos os dias você teria uma carta de amor.
Uma mensagem de motivação.
Uma foto de nós dois.
E o mais importante o meu sorriso. Porque nele dá pra ver o quanto você me faz bem.
#milena_lima1988

sábado, 4 de março de 2017

Amor

Imagina só quantas cartas de amor eu te escreveria.
Imagina só quantas vezes eu diria eu te amo num só dia.
Imagina.
Imagina.

Te amar me faz tão completa,
tão perfeita.
tão....

Não sabe o quanto doeu em mim descobrir.
descobrir que o homem dos meus sonhos não era você.
descobrir que todos os meus versos não eram pra você.
descobrir que meu amor não era sentido por você.

è eu senti dor.
é eu sinto saudade.
eu chorei.
o quanto doeu.
o quanto doi amor.

Sinto dor quanto penso em ti.
Sinto saudade quando lembro de ti.
Aqueles momentos únicos.
ahh aqueles momentos.
ahh aquela vontade.
ahh seus beijos.
me tornavam tão completa, tão perfeita,

Imagina viver sem eles amor.
Imagina viver sem você amor.
Imagina acordar sem você amor.
Imagina.
Imagina.

Como meu peito chora.
Como.
Como.

Carta ao meu amor

Ahh amor se soubesse..
Ahh se soubesse o quanto meu coração bate apertado sem ti.
Ahh se soubesse  quanto meu peito doi sem ti.
Ahh se soubesse quanto amor tenho dentro de mim.

Te amo sim.
Não sei como.
Não sei porque.
Eu não sei.

Como pode.
Os seus olhos.
Ahh esses olhos que na primeira vez viram tão profundamente na minha alma.
Ahh esses olhos, que me hipnotizam e me fazem esquecer da sensatez.
Faria sim loucuras por você.
Quanto ouvi sua voz então.

O quanto te amei nesse curto tempo, 
um amor que não se diz amor, 
mas eu sei que era amor, 
era amor porque você viu tudo pelos meus olhos.
me senti nua diante deles.
como se soubesse todos os meus segredos, 
como se soubesse tudo o que eu sentia.

ahh esse amor, que amor era esse.
não entendo, 
mas eu sinto.
ai que saudade de você, 
saudade do seu cheiro, 
saudade do seu toque.
saudade da sua voz.
saudade do seu bom dia.
ai que saudade.

não entendo o que sinto, 
não seu porque eu sinto.
só sinto, 
só amo.
mas que amor é esse!

Eu te amo.

sexta-feira, 24 de fevereiro de 2017

É

Eu sei de tudo isso.
Já seu antes mesmo do que imagina.
Eu sei porque eu sinto.
Eu sei. Simplesmente porque sei. É talvez.
Eu sei. Eu sinto. Eu vejo.
Na verdade o meu coração me conta.
Ele sempre me diz tudo.
Nunca me escondeu nada. Assim como ele tentou me avisar que você iria embora.
Assim como ele tentou me alertar que eu não era pra você. É que você não seria capaz de me amar como eu preciso.
E sempre acredito no que minha mente diz. Mas nem sempre ela está certa.
Quase nunca.
Isso talvez seja verdade.
Mas meu peito dói tanto.
Sinto tanta saudade.
Tanta vontade.
Eu te quero tanto.
Mas eu sei que o que foi dito ou feito não tem volta.
As vezes prefiro ser sozinha. Do que ter o mundo cheio de pessoas e mesmo assim sentir me sozinha.
Mas algumas vezes me pego pensando. Eu me sentiria mais sozinha com você.

domingo, 19 de fevereiro de 2017

Não consigo.

Não existem palavras no dicionário.
Não existem formas de provar.
Não existem outras formas de sentir.
E não existe vontade maior do que esta.
Como eu sinto sua falta.
Quanta falta você me faz.
Que saudade do seu toque.
Eu ainda sonho com seus beijos.
Tento visualizar todas as nossas poucas lembranças.
Eu sei.
Eu sei.
Mas eu não consigo.
Eu preciso.
Eu te amo.
Eu sinto.
Eu choro.
Eu quero.
Eu amo.
Eu preciso de você.
Eu amo você.
Eu te quero pra mim.
Eu preciso...
Eu preciso.
Quanta saudade.
Quanta vontade.
E como, como eu gostaria de descrever tudo isso pra você.
Mas eu não consigo.
Porque não existem palavras que provem o quanto eu te amo.
Não existem palavras que me ajudem a dizer o quanto eu sinto sua falta.
Ahh seus olhos.
Seus olhos.

sábado, 11 de fevereiro de 2017

Não quero dizer

Não. Não posso. Não quero assumir isso.
Dizem que tudo que se diz se atrai.
Dizem que por energia naquilo que se deseja, é só formalizar com palavras.
Mas eu não posso.
Eu não devo.
Eu não quero.
Mas eu sinto.
Mas eu amo.
É eu amo.
Mas o que é amar realmente.
Não acredito que amar seja chorar todas as noites de saudade.
Não acredito que amar seja sonhar com você todas as noites e não poder te tocar
Não acredito que amar seja sentir seu perfume no ar, mas não te ter ao meu lado.
Não acredito que o amor cause dor, como foi meu peito quanto estou longe de você.
Acredite, me falta o ar..
Acredite, me dói o peito..
Acredite, eu sinto saudade..
Eu já procurei apagar essa dor com outra pessoa, mas não....Não adianta.
Porque o amor não se apaga.
O amor não se esquece.
O amor não se deixa de sentir.
O amor permanece aqui.
No peito doendo.
Saindo pelos olhos.
Sonhando com músicas.
Sentindo seu toque.
Sentindo seu perfume.
Sentindo sua presença, mesmo que vc não esteja aqui.
Eu te sinto.
Eu te amo.
Eu te quero.

sexta-feira, 10 de fevereiro de 2017

Preciso

Eu preciso escrever, mas não sei como colocar as palavras no papel mais uma vez.
Toda essa tristeza em meu peito.
Toda essa dor incompreendida.
Todo esse amor que não foi doado.
Todo esse amor que eu não puder dar.
Toda essa vontade de te ver.
Toda essa vontade de você.
Toda essa saudade.
Toda lembrança do seu rosto em minha mente.
Todo gesto que foi perdido pela distância.
Toda palavra que não foi dita.
Todo toque não sentido.
Toda palavra dita com mágoa.
Toda música que lembra nós dois.
Todos os lugares aos quais fomos juntos.
Todos os lugares aos quais iríamos.
Todos os sonhos interrompidos.
Todo beijo que não foi dado.
Todo abra que ficou guardado.
Tudo. Tudo. Toda. Tudo.
E mesmo assim, tudo o que consegui falar aqui não descreve o tamanho dá saudade que eu sinto por você.
Te amo.